Blog Pioneira

Como o meio acadêmico pode contribuir para a retomada econômica? Descubra na Live Sicredi desta quarta

13/10/2020
Como o meio acadêmico pode contribuir para a retomada econômica? Descubra na Live Sicredi desta quarta  | Blog Sicredi Pioneira

O Reitor da Feevale, Cleber Prodanov, é o convidado do bate-papo on-line desta quarta (14/10), recepcionado pelo Diretor Executivo da Sicredi Pioneira RS, Solon Stahl

A pandemia afetou comportamentos e a estrutura de serviços de diferentes segmentos da economia. Passados quase sete meses, cada atividade profissional precisou se readequar para persistir em um novo ambiente de vida e negócios. Também parte integrante desse ecossistema, como o meio acadêmico está enfrentando o distanciamento social? Como está sendo a experiência de homeschooling na graduação? De que forma as universidades podem contribuir com a sociedade para a retomada econômica no cenário de um “novo normal”?

Estes e outros questionamentos serão apontados durante a Live Sicredi desta quarta-feira (14/10), às 19h30min, no canal do Youtube.com/sicredipioneirars e no Instagram @sicredipioneiraoficial, com tradução simultânea em Libras. O Diretor Executivo da Sicredi Pioneira RS, Solon Stapassola Stahl, recepciona o Reitor da Universidade Feevele, de Novo Hamburgo, Cleber Prodanov, para um bate-papo on-line sobre “A pandemia sacudiu o mundo: como a Academia enxerga estas mudanças e seus impactos na vida das pessoas e empresas”.

Será uma oportunidade para entender o papel da instituição - reconhecida pela inovação no ensino superior, pesquisa e extensão – no cenário econômico, uma vez que empresas, principalmente de micro e pequeno porte, atravessam período de turbulência. “O conhecimento já era importante antes da pandemia, será que agora é ainda maior ou vamos ingressar de vez na era do conhecimento”, indaga Solon. Devido à similaridade de propósitos que visam a melhoria da qualidade de vida das pessoas e o desenvolvimento nas comunidades, a cooperativa de crédito investe na aproximação com universidades de sua área de abrangência. “Tanto quanto as academias, a cooperativa acredita que a educação ainda é o maior vetor para que tenhamos comunidades melhores”, frisa Solon.

A construção de um novo mindset para vivenciar a normalidade -desconhecida por todos - vai exigir, certamente, uma visão diferente dos negócios. Na opinião de Solon, muitos já estão percebendo que a forma menos traumática para sair da crise é por meio de ações coletivas e não mais individualizadas. “Estamos aprendendo a ‘coopetir’, no lugar de competir. O que está no centro desta visão é a lógica da abundância, que permite termos relações comerciais no modelo ganha-ganha, nos fazendo compreender que estamos num ecossistema. Não somos uma ilha”, observa. E, neste contexto, a união de esforços pode fazer a diferença.

Vem fazer parte dessa conversa! Nosso encontro está marcado para 19h30min desta quarta-feira, 14/10, no canal do Youtube.com/sicredipioneirars e no Instagram @sicredipioneiraoficial.