Blog Pioneira

Sicredi apoia iniciativas de combate à Covid-19

07/07/2020
Sicredi apoia iniciativas de combate à Covid-19 | Blog Sicredi Pioneira

Fomentar o desenvolvimento local por meio da união de esforços é, há mais de 117 anos, um dos principais objetivos do Sicredi. Na cidade e no campo, a instituição financeira cooperativa reconhece a importância da solidariedade, que é um dos valores do cooperativismo. Nesse sentido, desde o início da pandemia do novo coronavírus, os associados do  Sicredi destinaram R$ 12,4 milhões a diferentes ações de redes de saúde e de entidades públicas e privadas que estão à frente no combate da Covid-19 no Rio Grande do Sul. Desse total, R$ 9,8 milhões são provenientes do Fundo Social e R$ 2,6 milhões procedentes de recursos próprios das cooperativas.

“Partindo do princípio de que juntos podemos transformar as comunidades, os valores difundidos pelo cooperativismo se mostram ainda mais necessários em momentos desafiadores como o que estamos enfrentando. O modelo de participação e de atuação no Sicredi permite que os associados decidam o destino dos resultados de sua cooperativa e entre essas destinações está o apoio a diferentes projetos locais, como é o caso das ações de combate ao novo coronavírus. São pessoas que decidem ajudar outras pessoas em um exercício de cidadania e de desenvolvimento de uma consciência coletiva para o bem de todos. As Cooperativas incentivam, ainda, outras ações nas regiões onde atuam, além das iniciativas apoiadas pelo Fundo Social,” explica o vice-presidente da Central Sicredi Sul/Sudeste, Márcio Port.

 

Iniciativas da Sicredi Pioneira RS

 

A Sicredi Pioneira RS também fez a sua parte nesse momento em que a responsabilidade e conscientização são essenciais. Por isso, realizou uma consulta aos 21 municípios de sua área de atuação, com intuito de mapear as prioridades, resultando em volume expressivo de solicitações provenientes de hospitais, secretarias de saúde e corpos de bombeiros.

Referendada pela Diretoria e Conselho de Administração, a cooperativa avaliou como viabilizar a doação de recursos. Após consulta com coordenadores de núcleo – representantes dos associados nas 40 agências da região – e as entidades inscritas no programa Fundo Social, foi definido o direcionamento dos recursos do Fundo Social 2020 para a área da saúde dos municípios. O valor total disponibilizado para as doações, conforme decisão dos associados em Assembleia, foi de R$ 2.079.058,21. Para o repasse aos municípios da região, a cooperativa considerou cinco critérios: quantidade da população, número de associados por município, valor disponível no Fundo Social, mapeamento das necessidades de saúde da localidade e atendimento hospitalar no município. “Nesse momento, cooperar faz toda a diferença”, reitera o presidente do Conselho de Administração, Tiago Schmidt.

A cooperativa entende que a medida tem caráter excepcional devido à necessidade urgente da prestação de serviços em prol da saúde pública. No entanto, alinhou em todas as doações que, após a compra dos itens necessários, os municípios encaminharão as notas fiscais para a prestação de contas da utilização dos recursos.