Blog Dicas

A distribuidora paga pela geração excedente de energia? Você sabe como isto funciona?

       A energia solar tende a se tornar uma grande aliada de Agricultores, produtores e famílias proprietárias rurais. Essa fonte de energia é totalmente limpa, sustentável e renovável. Porém, ainda surgem dúvidas quanto a sua operacionalização e benefícios. Por exemplo: com o sistema instalado, a distribuidora de energia irá pagar pela geração excedente?

       A partir do momento que há um sistema fotovoltaico funcionando numa propriedade rural, a energia excedente gerada pelo sistema irá retornar para a rede da distribuidora (sistema on-grid). É importante saber, no entanto, que a distribuidora de energia não vai pagar em dinheiro, mas sim em crédito de energia. Os créditos poderão ser utilizados em até 60 meses subsequentes à geração. Eles podem também ser abatidos em outra Unidade Consumidora que seja da mesma titularidade da geradora, e esteja na mesma concessionária de energia. Por meio do crédito de energia, é possível consumir a energia oferecida pela distribuidora no período da noite e só pagar a diferença quando houver.

       O equipamento fotovoltaico é de propriedade do cliente e, a partir do momento que estiver produzindo sua energia, ele pagará apenas a taxa mínima à concessionária de energia, se o sistema estiver suprindo 100% de sua necessidade. Caso o sistema tenha a produção de energia solar limitada por algum motivo, como falta de telhado, o cliente pagará à concessionária a diferença do valor do que foi consumido e não foi produzido pelo seu sistema solar fotovoltaico.

Compartilhe este post

assine nossa newsletter

Fique por dentro das novidades sobre energia solar

Dúvidas entre em contato

Entre em contato com a Sicredi Pioneira

Em caso de dúvidas, sugestões ou reclamações.

054 3281 8100 054 99963 8245 [email protected]